Capa / Cidades / Sistema de monitoramento com reconhecimento facial será implantado em Alta Floresta

Sistema de monitoramento com reconhecimento facial será implantado em Alta Floresta

Alta Floresta deve implementar até o mês de setembro de 2022 o sistema de Radio Operador Digital, que pretende auxiliar no serviço da Policia Militar dando maior alcance no sinal, além de coibir que criminosos consiga copiar a frequência utilizada, a benfeitoria faz parte da primeira fase do projeto Vigia Mais MT.

“Nosso rádio hoje funciona de forma analógica, você pode ver que qualquer técnico em eletrônica, qualquer técnico em comunicações consegue comprar um radio de camelô adaptar e ouvir o serviço da polícia, o digital é um rádio codificado e a distância abrangida por ele é bem maior, então temos uma grande área que vai de Colíder à Apiacás onde não é coberto pela nossa rede, analógica e com a digitalização da comunicação vamos conseguir falar”, destacou o Coronel PM Arruda.

Alta Floresta é o quarto município a receber, até o ano de 2024, um Centro Integrado de Operações de Segurança Pública, com prédio e equipamentos completos para monitoramento, com contrapartida de doação de um terreno pela prefeitura. O CIOSP já está sendo implantado nos municípios de Sinop, Barra do Garças e Cáceres.

“Centro Integrado de Operações de Segurança Pública, onde no mesmo prédio vai estar integrado a Policia Militar, Policia Civil, Corpo de Bombeiros e também a Guarda Municipal, e como funciona o cidadão vai ligar solicitando serviço de segurança pública, ali vai ter um despachador da segurança pública, que vai despachar, se for serviço da Policia Militar será encaminhado, se for serviço do corpo de Bombeiros será encaminhado, então isso vai integrar as câmeras com o CR que vai detectar as placas dos carros roubados, saberemos cada carro que entra e sai da cidade”, explicou o Coronel PM Arruda, que afirmou que as câmeras terão reconhecimento facial para agilizar o serviço das policias do Município.

Imagem ilustrativa

Conforme Lauriano Barella presidente do Conselho Municipal de Segurança Pública – COMSEP, ainda este ano o município deve receber cerca de 60 câmeras de alta resolução de videomonitoramento¸ que serão instaladas em pontos estratégicos da cidade, “logo, logo também está chegando o sistema de vídeo monitoramento, acreditamos que até o final do ano 60 câmeras estejam em funcionamento em Alta Floresta“, o projeto prevê que até 2024 um quantitativo de 161 câmeras já estejam em pleno funcionamento.

O programa Vigia Mais MT tem o intuito de ampliar o sistema de videomonitoramento da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT) para locais onde tenha ou possa ter a necessidade de uso do dispositivos de captação de imagens. Em Alta Floresta, as discussões tiveram de monitoramento que foi feito em 2015, são equipamentos padronizados pelo Estado, duráveis e interligados à rede estadual de monitoramento.

Da redação – Jornal O Diário

Sobre admin

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Scroll To Top