Capa / Alta Floresta / Rotary Club de Alta Floresta quer realizar campanha de conscientização nas escolas públicas sobre a vacinação contra poliomielite

Rotary Club de Alta Floresta quer realizar campanha de conscientização nas escolas públicas sobre a vacinação contra poliomielite

Bruno Felipe
Da Reportagem

 

Devido ao alerta de um possível surto da Poliomielite no país, o Rotary Club de Alta Floresta esta idealizando uma campanha de conscientização junto aos alunos das escolas municipais e estaduais do município com o objetivo de fomentar a importância da vacinação.

De acordo com o atual presidente do Rotary, Jairo de Carli, a ideia é que na semana que vem os representantes se desloquem até a Secretaria de Saúde, para que em parceria, a campanha seja introduzida nas escolas. Ele ressaltou que as expectativas são de alavancar os conhecimentos sobre a doença para as crianças e promover a indagação dos mesmos para com os seus pais, já que o possível surto da doença surgiu após a baixa procura de vacinação em menores de 5 anos. “É uma pena a pólio estar voltando, porque houve um relaxo dos pais das crianças que não estão as vacinando porque achou que estava erradicada”, disse ele em entrevista ao Jornal O Diário.

Além disso, a intensão do presidente é entregar panfletos informativos nas principais ruas e avenidas da cidade com o apoio de toda a família rotária. A ação é uma forma de conscientizar toda a população a respeito do cuidado que devesse tomar com a saúde. A vacinação da poliomielite é feita em crianças menores de 5 anos. “Ficamos com bastante tristeza, porque ela estava quase erradicada, mas ainda dá tempo de reverter esse quadro; eu acho que tem de voltar a bater na tecla da vacinação”, disse Jairo.

O Rotary Internacional lançou no ano de 1985 a Comissão Pólio Plus, onde os rotarianos desde então vem lutando para a erradicação da doença em todo mundo, sendo que mais de R$600 milhões já foram investidos em campanhas.

Conforme a enfermeira responsável pela Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, Fernanda Santos, a estratégia do Rotary é uma ação indireta que está embutida na estratégia de combater a pólio. “Eles sempre trabalharam paralelo a estratégia do governo; colabora e muito para alavancar um maior número de pessoas”, assentiu ela em entrevista ao Jornal O Diário.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Scroll To Top