Capa / Alta Floresta / Polícia investiga caso de vigilante que foi encontrado morto no Escritório Regional de Saúde de Alta Floresta

Polícia investiga caso de vigilante que foi encontrado morto no Escritório Regional de Saúde de Alta Floresta

Bruno Felipe / Da Reportagem

Foto: MT Esporte

O vigilante Leandro da Silva, de 31 anos, que prestava serviço no Escritório Regional de Saúde de Alta Floresta, foi encontrado morto na manhã dessa sexta-feira, dia 29 de novembro, por uma funcionária que chegava para trabalhar. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado e militares foram até o local, mas de acordo com o Sargento Luiz Fábio, como já havia constatado o óbito não houve nenhuma intervenção por parte do Corpo de Bombeiros, sendo acionada as Policias Militares, Civil e Policia de Identificação Técnica (POLITEC) logo em seguida.

A Polícia Militar realizou o isolamento de toda a área enquanto aguardava a chegada da Policia Civil. Leandro foi encontrado com um tiro na região da cabeça, sentado em uma cadeira e ao seu lado, no chão, se encontrava um celular e possivelmente a arma do crime. Pelos indícios, a polícia acredita que o caso possa se tratar de um suicídio, mas que somente poderá ser comprovado após o fim das investigações. “Nós coletamos todas as primeiras evidencias e é uma morte a ser investigada pela delegacia, nos próximos dias nós já estaremos possivelmente chegando à conclusão desse fato”, disse o delegado responsável pela investigação, Dr. Pablo Carneiro.

Ele salientou que a arma foi colhida pela polícia para passar por uma pericia minuciosa, fazendo um possível confronto balístico. Pablo afirmou que pelas informações iniciais e pelo estado do corpo, a morte de Leandro poderia ter ocorrido por volta das 00h00. A reportagem do Jornal O Diário apurou que Leandro Silva trabalhava em outro período na Escola Estadual Cecilia Meireles e por conta da fatalidade, a escola decretou luto oficial, sendo que nesta sexta-feira os alunos do período matutino foram dispensados e não houve aula para nenhuma das demais turmas. Atualmente, Leandro era casado e pai de uma criança; pelas redes sociais, familiares e amigos prestaram a última homenagem para ele.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Scroll To Top