segunda-feira , julho 16 2018
              
Últimas Notícias
Capa / Alta Floresta / Homenagem justa: Teatro Municipal irá se chamar “Agostinho Bizinoto”

Homenagem justa: Teatro Municipal irá se chamar “Agostinho Bizinoto”

Da reportagem

Agostinho Bizinoto

Tramita na Câmara Municipal de Alta Floresta um projeto de lei para homenagear o principal agente cultural de Alta Floresta e um dos principais de Mato Grosso, Agostinho Bizinoto, que morreu no dia 17 de maio de 2017 vítima de um câncer. O projeto é de autoria dos vereadores, Elisa Gomes Machado, Mequiel Zacarias Ferreira, Silvino Carlos Pires Pereira e Luiz Carlos de Queiroz, a primeira é viúva de Agostinho Bizinoto.

“Visionário, sonhador, agitador cultural, sensível. A capacidade de antever a necessidade, a importância de políticas públicas de cultura para um povo parece algo complicado e difícil, mas para alguém sensível às necessidades e urgências humanas não é. Para Agostinho Bizinoto, pessoa com todos esses atributos e tantos outros, próprios do ser humano, a cultura nunca foi um trabalho ou um meio de sobrevivência econômica. Para ele cultura é um imperativo intrínseco do e no próprio ser humano, portanto, para ele era mais que uma missão dedicar-se à cultura e todas as suas formas de manifestações e expressões”, afirmam os autores através da justificativa ao projeto, que foi apresentado na última semana e tramita nas comissões da Casa de Leis.

Desde jovem, Bizinoto dedicou-se á cultura em suas várias expressões, escreveu, compôs, pensou, cantou, tocou violão, atuou no teatro e no cinema, gravou compacto em disco vinil, editorou livros, produziu e coordenou incontáveis eventos, estimulou incontáveis artistas (crianças, jovens, adultos e velhos), ministrou aulas, orientou e criou grupos artísticos, fez arte e viu arte ser feita.

No teatro, Bizinoto, foi dramaturgo, diretor, iluminador, ator, professor, liderança político, orientador e tantas outras coisas que esta arte artesanal requer. Os mais de 40 anos dedicados ao teatro lhe confere, sem ressalvas, o título de “homem de teatro”.

Dentre as muitas ações do artista altaflorestense, que justificam a homenagem estão, a criação do Teatro Experimental de Alta Floresta, a elevação do FESCAF (Festival da Canção de Alta Floresta), criado em 1982, a evento de abrangência nacional, a transformação em evento oficial do município do FESCAF e do Miss Alta Floresta, criação da AACC – Associação Alta-florestense de Cantores de Compositores, criação da Lei Municipal de Apoio e Incentivo à Cultura, criação da Fundação Cultural de Alta Floresta. A lista é muito ampla, em quase todas as manifestações culturais de Alta Floresta ao longo dos anos, o nome do artista Agostinho Bizinoto estava presente.

“Nomear o Teatro do Centro Cultural e de Eventos de Alta Floresta de “Teatro Municipal Agostinho Bizinoto” é uma justa e necessária homenagem. Porém, muito ainda deve ser feito para o setor cultural de Alta Floresta. Isto porque não existem dúvidas de que a maior e melhor homenagem que se possa fazer à memória de Agostinho Bizinoto seja o contínuo e amplo investimos em políticas públicas de cultura, fortalecimento de grupos, artistas e a preservação da memória e patrimônio histórico cultural de Alta Floresta. Do contrário, a ele não faria sentido”, afirmou o amigo e também artista do teatro Ronaldo Adriano, que ajudou a escrever a justificativa ao projeto.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Scroll To Top