Últimas Notícias

Operação prende quatro suspeitos por caça ilegal, porte de arma e drogas na região do rio Teles Pires

Uma operação que iniciou na última terça-feira (14) no rio Teles Pires a cerca de 40 quilômetros de Alta Floresta resultou na detenção de quatro pessoas por tráfico de drogas, pesca durante período proibitivo, porte ilegal de arma e por caça de animais silvestres. A bando era ocupada por seis pessoas, inicialmente dois já haviam sido detidos ainda na terça, um homem de 66 anos e um adolescente de 14, como resultado de cercos realizados a Polícia Militar conseguiu deter na tarde de quarta-feira (15), mais dois suspeitos, um adolescente de 17 anos e outro de 19, eles foram detidos em uma região de mata na comunidade São João do Bonfim.

 

De acordo com a PM em entrevista a radio Progresso, a equipe da agência regional de inteligência recebeu a informação de que um grupo de pessoas estava agindo no rio Teles Pires, as diligências foram desencadeadas no início da manhã, a PM conseguiu localizar o ponto onde agia o bando de aproximadamente seis pessoas, porém momento da abordagem, não havia ninguém na flutuante, mas ao subir pelo leito do rio os policiais, encontraram uma embarcação sem nenhum ocupante, mas próximo de um acampamento, onde foram encontradas armas, munições, animais silvestres abatidos, caixas e substância análoga à maconha.

Conforme a PM, os dois suspeitos apreendidos em antemão foram abordados no local, outros 4 fugiram com a aproximação da embarcação da Polícia Militar, todos  estariam armados, na flutuante usada pelo grupo foram encontrados restos de substância análoga a pasta base de cocaína, balança, fitas adesivas, prensa profissional, caracterizando que o local era usado para preparo e embalagem de entorpecente. Conforme a PM, no local também foram encontrados produtos de origem duvidosa, como gerador de energia e ferramentas. A equipe de investigação também apurou que a propriedade usada como caminho para chegar ao rio é de propriedade de um dos suspeitos. O material foi recolhido, bem como um veículo Strada, branco, com placas de Sinop. Os suspeitos foram conduzidos à delegacia.
Operação no Vila Rica

 

Um outra denúncia sobre o paradeiro de um dos fugitivos levou a PM até uma residência localizada no bairro Vila Rica, no local o imóvel estava aberto e sem o suspeito, porém foram encontrado indícios do funcionamento de uma “rinha de galo”, levando-se em consideração o estado que os animais (galos) se encontravam.

As informações são de que no interior da residência teria uma geladeira e no interior da mesma havia três pacas e um filhote jacaré, todos congelados.

Todo o material foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Judiciária Civil para as providências que o caso requer.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Scroll To Top