Capa / Alta Floresta / Detendo fica ferido após motim dentro da Cadeia Pública de Alta Floresta

Detendo fica ferido após motim dentro da Cadeia Pública de Alta Floresta

Bruno Felipe / Da Reportagem

Um princípio de motim foi registrado na Penitenciária Pública de Alta Floresta na tarde desta quarta-feira 31. De acordo com informações apuradas pela reportagem do Jornal O Diário, o desentendimento ocorreu quando a Polícia Local realizava vistorias dentro do presídio, momento em que possivelmente os policiais teriam encontrado produtos ilícitos dentro das celas, fato que gerou revolta entre os detentos.

O caso chegou ao conhecimento dos familiares dos detentos que fizeram uma concentração em frente a penitenciária ao qual pediam esclarecimentos. A reportagem esteve no local e constatamos que ao menos um detento ficou ferido após o motim. Conforme apurado, ele teria levado um tiro de bala de borracha na perna durante a tentativa da PM de controlar toda a confusão. A reportagem registrou o momento quando uma guarnição do Sistema Prisional trouxe o detento ferido até a penitenciária após receber atendimento médico no Hospital Regional. Ocorre que, algumas esposas relataram que possivelmente haveria mais feridos dentro da cadeia, sendo que a possibilidade de haver um morto também foi levantada.

A advogada Helen Daiane que representa um dos detentos da ala C, conversou com os responsáveis pela penitenciária e disse em entrevista para a reportagem do Jornal O Diário que não houveram vítimas fatais. “Todo mundo muito nervoso, então eu vim conversar com os chefes da cadeia e eles me afirmaram que está tudo bem e tudo sob controle”, explicou ela. A diretora da penitenciária foi até o portão da unidade para conversar e acalmar as esposas dos detentos; ela chegou a liberar a entrada de uma das esposas para vistoriar a cadeia e certificar-se de que realmente não haviam mais feridos. Ao sair do interior da unidade, a mulher informou para as demais esposas que verificou todas as celas e realmente não haviam mais feridos.

Por conta da confusão, os detentos foram almoçar somente no final da tarde. A responsável pela unidade não quis dar entrevista, porém, ressaltou durante conversa informal que durante a vistoria foram encontrados drogas e alguns aparelhos celulares dentro da maioria das celas; por conta disso, a visita dos familiares programada para ocorrer no próximo domingo poderá ser prejudicada.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Scroll To Top