Capa / Alta Floresta / Soldados do Corpo de Bombeiros recebem capacitação sobre salvamento veicular

Soldados do Corpo de Bombeiros recebem capacitação sobre salvamento veicular

Bruno Felipe / Da Reportagem

24 soldados do Corpo de Bombeiros da regional de Alta Floresta estão realizando desde o começo desta semana um curso sobre salvamento veicular. De acordo com o Tenente Reis, da 7ª Cia do CB de Alta Floresta, o curso já estava no planejamento da unidade e segundo ele, veio de encontro com o índice de acidentes de trânsito que vem crescendo na região nos últimos dias. O curso está sendo trabalhado em conjunto com o 1º e 2º Batalhão do CB que pertencem ao Comando Regional I, além de uma equipe do estado de Minas Gerais que trouxe todo o equipamento de alta tecnologia para ajudar no aprendizado.

As aulas teóricas aconteceram nesta terça-feira 18, e as aulas práticas acontecem no pátio da 20º Ciretran até o dia 22/09. Segundo o chefe da unidade local do Detran/AF, Jhony Arisi, foram disponibilizados, além do espaço, 15 carros para ajudar nas simulações de resgate. Ele explicou que os carros foram apreendidos há vários anos e já não tinham condições de serem retirados pelos respectivos donos. “É uma capacitação que vem de encontro com o que a cidade precisa de especialização e treinamento para a força dos bombeiros que atendem a população e o Detran está à disposição sempre para este tipo de atividade”, disse Jhony em entrevista ao Jornal O Diário.

A reportagem acompanhou parte do curso durante a tarde desta quarta-feira 19. O coordenador do curso, Tenente Rivaldo Miranda, vindo do 1º Batalhão do Corpo de Bombeiros de Cuiabá, disse que está sendo ensinado aos soldados uma nova atualização da técnica de desencarceramento para o efetivo da unidade de Alta Floresta, bem como para as unidades de Colíder, Sinop e Barra do Garças. O equipamento utilizado é totalmente inovador. Uma das principais atualizações no equipamento foi o sistema de alimentação e retorno do óleo hidráulico, que neste novo desencarcerador é realizado através de uma única mangueira e pode ser acoplada e desacoplada mesmo com a ferramenta em uso, oferecendo assim mais agilidade, pois poderá ser utilizada até três ferramentas quase que simultaneamente com segurança aos militares.

O Tenente ressaltou que ao todo são 7 militares que estão ministrando o curso. Para ele, a capacitação é de suma importância, pois os acidentes de trânsito hoje constituem a segunda maior causa de morte não natural no Brasil. “Então nosso objetivo é doutrinar nossa tropa nas ocorrências de vítimas presas em ferragens, para isso são 60 horas de aula”, frisou ele.

Conforme o Tenente Reis ressaltou, a intensão é de adquirir novos equipamentos no futuro com mais tecnologia para integrar a unidade de Alta Floresta, sendo que o presente curso proporciona para que os soldados aprendam, além das novas técnicas, as novas tecnologias que estão entrando no mercado.

Sobre admin

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Scroll To Top