Últimas Notícias

Pimenta do Dia – Quarta Feira

Caraca meu! Ontem nós tivemos acesso a uma gravação que está no youtube com o titulo “Éder conversa com Pérsio, sem a censura governista do Antero”, com duração de 16:32 segundos,  de uma interceptação telefônica feita pela polícia federal de conversa entre o ex-secretário Eder Moraes e o diretor de um jornal da capital, e Pérsio Briante. Confira alguns trechos:

“Não vou poupar ninguém, esses caras, eles não sonham, eles não imaginam, eles dormem, tomam as cachaças deles, e eles esquecem do passado. Eles não sonham os documentos que eu tenho”

“Se nego me metralhar amanhã, eu acho que a polícia federal deve a obrigação de me proteger, tô pensando em ir amanhã na federal e pedir proteção pra eles por um ano, porque eu sou um arquivo vivo”

“Se eu quiser mostrar e realmente explodir essa merda toda, não fica um… nem o senhor Pedro Taques fica de pé, que é o paladino da moral…Ele não sonha o que eu tenho dele de transações com a JBS Friboi, o que eu tenho dele de transações com a Usinas Itamaraty…ele acha eu sou um trouxa, que eu sou burro…tô quieto, tô na minha…

Se eu for na imprensa e eu colocar o que sei do Pivetta, ele quebra…seu eu colocar o que sei de Erai Maggi, ele quebra…se eu falar do Blairo Maggi, nem o banco dele sai do papel…se eu falar do Silval, ele sai enjaulado de dentro do Paiaguás…então, esses caras estão brincando comigo, cara…tá achando que sou um trouxa, um bosta, um zé ninguém, um leproso, um merda…eles vão se fuder comigo…quero que se fodam… sou um leproso que vou jogar sangue contaminado em todo mundo…”

PALAVRAS DE ÉDER MORAES, EM INTERCEPTAÇÃO TELEFÔNICA DA POLÍCIA FEDERAL, EM CONVERSA COM PÉRSIO BRIANTE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Scroll To Top